Formas de eternizar o seu buquê de noiva

Formas de eternizar o seu buquê de noiva

Só quem já se casou ou está no processo de subir ao altar sabe o quanto é importante guardar elementos que fazem parte do grande dia, além das fotos e dos vídeos (é claro!). O buquê da noiva, com certeza, está no top 3 desses itens!

Mas a dúvida é: como fazer isso? Nós sabemos que flores não são fáceis de conservar, mas existe maneiras de driblar esse empecilho e eternizar o seu buquê. Nós, do Castelo de Itaipava, selecionamos inspirações para você guardar o seu. Veja aqui:

Desidratar e emoldurar

A forma mais eficiente de, literalmente, guardar o seu buquê completo. Existem empresas especializadas que oferecem o serviço de desidratação das flores e transformação em quadro. Esse processo costuma demorar cerca de 70 dias e as flores que ficam mais bonitas emolduradas são rosas, orquídeas, tulipas, astromérias, copos-de-leite, calas, lírios, flores-do-campo e demais flores mais sofisticadas.

Desenho com as flores

Também utilizando a técnica de desidratação, você pode usar as flores do seu buquê – e não ele completo – para fazer um novo desenho e enquadrar. Essa é uma maneira de criar um significado diferente para o buquê e usá-lo para decorar. O desenho pode ser escolhido a partir da história do casal, por exemplo. Assim, a decoração fica personalizada e muito fofa! 

Pintura

Se você não faz questão de guardar o seu buquê, mas quer uma lembrança relacionada, você pode pedir para um artista desenhar e pintar um quadro com todos os detalhes do seu buquê. Essa tática pode ser mais barata do que as opções anteriores, mas tão legal quanto para decorar a sua sala ou até mesmo o quarto do casal.

Qual opção de eternizar o seu buquê de noiva tem mais a ver com a sua personalidade? Deixe nos comentários! Não se esqueça de compartilhar as suas ideias relacionadas ao buquê conosco. Vamos amar saber!

Acompanhe o Castelo de Itaipava no Facebook e no Instagram.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *