Aliança de Casamento: conheça as origens e os significados

aliança de casamento simboliza a união e o compromisso firmado entre duas pessoas. É a representação do elo entre o material e o espiritual, entre o corpóreo e o sentimental. Duas vidas unidas, em amor e cumplicidade, compartilhando alegrias e tristezas. Os anéis escolhidos pelo casal devem ser utilizados todos os dias e, por isto, são um dos elementos mais importantes e emblemáticos do casamento. Entretanto, você conheça a origem e o significado das alianças? Por que as utilizamos na mão esquerda e no dedo anelar? Separamos, então, algumas teorias para vocês!

De acordo com estudiosos, os egípcios e os hindus foram os primeiros a utilizar um anel para simbolizar o laço matrimonial, isto por volta de 2800 a.C. Para eles, o círculo perfeito, sem início e sem fim, era a representação do que uma união deveria ser: eterna e infinita. Eles também acreditavam que o terceiro dedo da mão esquerda possuía uma veia que levava diretamente ao coração e, por isso, a aliança era utilizada neste dedo. Em 3 a.C., com o domínio de Alexandre, o Grande sob o Egito, este costume foi levado para a Grécia.

Tendo em vista os estudos sobre magnetismo, os gregos começaram a usar anéis de ferro imantado no dedo esquerdo para que os corações dos amantes ficassem atraídos e conectados para sempre. A tradição também foi adotada pelos romanos, que além de defenderem a teoria do dedo anelar, ainda intitularam a veia do coração de vena amoris. Inicialmente, a aliança marcava a propriedade ou a compra de uma mulher, que então passava a ser noiva de um homem. A partir do século IX, a Igreja a adicionou um significado a mais: o valor sentimental. As alianças tornaram-se símbolo do compromisso e união entre os casais cristãos.

Um outro significado interessante para a escolha do dedo anelar remonta aos chineses. Segundo eles, cada dedo da mão representa algo. O polegar representa os pais; o indicador, os irmãos ou amigos; o médio, a própria pessoa; o anelar, o parceiro e o mindinhos, os filhos. Façamos como eles: junte as palmas das mãos, fazendo com o que os dedos esquerdos e direitos fiquem ponta com ponta, e os dedos médios fiquem dobrados em sua direção. Um a um, tente afastar os dedos: o polegar direito do esquerdo e assim por diante. Você consegue separar os polegares, pois você não viverá com seus pais pelo resto da vida; você consegue separar os indicadores, pois seus irmãos e amigos trilharão caminhos diferentes; você consegue separar os mindinhos, pois seus filhos terão história própria. Mas e os anelares? Tente separar! Você não consegue, pois, segundo a lenda, o amor entre duas pessoas deve durar a vida toda.

Por fim, não sabemos ao certo a origem do costume, mas reconhecemos e amamos toda a simbologia envolvida com as alianças de casamento. Elas fazem parte de nossa cultura e de muitos outros povos!

castelovps

castelovps

Deixe um comentário

Sobre o Castelo

O casamento dos seus sonhos, renovação de votos, aniversários e outros eventos em um ambiente medieval, com estrutura completa para você não precisar se preocupar com nada em 24 parcelas fixas sem juros. Fale agora com uma consultora do Castelo.

Últimos Posts

Segue aí

Sonhos no Mundo Real

Receba as novidades

Cadastre o seu e-mail e fique sabendo de tudo sobre o mundo dos eventos e hospedagem do Castelo de Itaipava

Shopping Basket
×

Omnibees - Intelligent Hotel Distribution
Reservar Agora
Dúvidas? Clica Aqui